Dicas e observações – Verbos: Infinitivo 1

Dicas e observações

Infinitivos em inglês

O que é o infinitivo? Infinitivo é a forma não conjugada do verbo. (Isto é sem estar alterado pelo tempo, modo ou pessoa).

Em português, os infinitivos terminam com “ar, er, ir” (Ex: ser, estar, correr, comer, ter, ir, andar…)

No inglês, quando se quer falar um verbo no infinitivo, normalmente coloca-se o “to” antes do verbo. Sempre que alguém cita, por exemplo, o verbo “to be”, este “to” está ali para indicar que a pessoa está falando do verbo no infinitivo.

Exemplos de verbos no infinitivo:

  • To be = ser / estar
  • To walk = andar / caminhar
  • To swim = nadar
  • To see = ver

O infinitivo é usado em certas expressões e também após alguns verbos. Existem verbos em inglês que usam infinitivo com “to” (full infinitive) e também verbos que usam infinitivo sem “to” (bare infinitive).

Alguns verbos usando infinitivo com “to”:

  • Want = querer
  • Like = gostar
  • Need = precisar
  • Have (to) = ter (que)

Alguns verbos usando infinitivo sem “to”:

  • Let = Deixar / Permitir
  • Hear = Ouvir
  • Make = Fazer
  • Todos os verbos modais (que veremos em outra unidade)

Exemplos:

  • I want to go = Eu quero ir
  • He wants to stay = Ele quer ficar
  • My father lets me play = Meu pai deixa-me brincar
  • Let‘s try again = Vamos tentar de novo (Let’s = Let us, similar a “deixe-nos”)
  • We like to sing = Nós gostamos de cantar
  • I hear you walk at night = Eu ouço você andar de noite
  • They need to find an answer = Eles precisam encontrar uma resposta
  • She makes the plants grow fast = Ela faz as plantas crescerem rápido
  • Let‘s make the sun appear = Vamos fazer o sol aparecer.

Usando o “do” e o “does”

Quando se usam os auxiliares “do” e “does”, o verbo principal não tem sua conjugação alterada. No entanto, não se diz que ele está no infinitivo, pois faz parte de uma locução verbal.

Entretanto, esta unidade também apresenta exercícios usando “do” e “does”:

  • He does not like the food = Ele não gosta da comida

Perceba que neste exemplo, o “like” não foi alterado para “likes”, quem sofreu a alteração foi o auxiliar “do” que virou “does”.
Quando o auxiliar “do” está presente na frase, as conjugações alteram a forma do auxiliar, mas não alteram a forma do verbo principal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *